Algumas áreas de negócios dependem de uma boa condição climática para obterem sucesso. Como exemplo podemos citar o ramo do agronegócio, construção civil e aviação. Quando acontece uma mudança brusca de tempo, por exemplo, a vida das pessoas envolvidas na execução do trabalho dessas áreas pode ser colocada em risco ou mesmo a perda de uma lavoura inteira.

As estações meteorológicas são equipamentos que realizam o registro dos fenômenos climáticos. Essas estações coletam e analisam os dados e, desse modo, o clima local ou da região é definido.

Entre as informações geradas com os registros das estações meteorológicas estão a velocidade média de vento, temperaturas médias e máximas diárias, direção do vento, umidade relativa do ar e volume de chuva.

Vale destacar que a finalidade de uma estação meteorológica não é fazer uma previsão do tempo (apesar de algumas fazerem), e sim possibilitar um monitoramento das variáveis climáticas.

Você ficou curioso para saber como funciona a estação meteorológica? Continue lendo o nosso post e tire todas as suas dúvidas!

Como funciona uma estação meteorológica?

A finalidade principal de uma estação meteorológica é realizar a coleta e a medição de dados climáticos. Com a utilização de instrumentos adequados é possível realizar uma análise que resultará em um monitoramento de variáveis climáticas. Alguns desses instrumentos são:

  • Termômetro – temperatura do ar;

  • Barômetro – pressão atmosférica;

  • Higrômetro – umidade relativa do ar;

  • Anemômetro – velocidade e direção do vento;

  • Heliômetro – duração da ação do sol;

  • Piranômetro – radiação solar

Quais são os tipos de estações meteorológicas?

De um modo geral, existem dois tipos de estações meteorológicas. Veja abaixo.

Automática

Nesta tipologia são utilizados sensores eletrônicos para a mediação de inúmeras variáveis, dentre elas a temperatura, umidade relativa do ar, vento, precipitação pluviométrica, pressão atmosférica, altura de nuvens até aos 1500 metros, entre outras. Todos os dados são enviados para uma central, onde programas computacionais integram todas as informações e permitem uma análise das condições climáticas.

No caso das estações meteorológicas automáticas as informações meteorológicas são coletadas de minuto em minuto e, a cada hora, estes dados são integrados e disponibilizados para serem transmitidos para uma central de meteorologia, via wireless, GPRS ou satélite.

Convencional

Neste caso o monitoramento é feito presencialmente e periodicamente por técnicos que coletam os dados, por meio de instrumentos dispostos numa determinada área, sistematizando estas informações e criando um banco de dados, com dados de temperatura, volume de chuva, tempo de insolação, pressão, evaporação, entre outras variáveis.

As medições são realizadas quatro vezes por dia, impreterivelmente às 00, 06, 12 e 18 UTC — 3 horas a menos do horário de Brasília. Neste tipo de estação meteorológica as observações também são visuais, como o tipo de nuvem e a visibilidade. Ou seja, nos horários de observação ele avalia, quantifica e classifica as nuvens daquele momento.

Quais são as vantagens de utilizar a estação meteorológica?

A utilização das informações das estações meteorológicas são destinadas a várias finalidades e, seu uso, se torna essencial para o sucesso e desempenho de atividades que dependem desses dados. Dentre elas:

Pesca

Numa condição desfavorável ou mesmo que represente perigo, ter informações sobre condições climáticas pode oferecer segurança aos trabalhadores do mar. Ou seja, para embarcações menores é preciso verificar a velocidade do vento e a ocorrência de chuvas, uma vez que em mar aberto a navegação pode correr perigo.

Além disso, muitas espécies de peixes dependem de certas condições climáticas, o que ajuda o pescador a verificar tais informações através das previsões meteorológicas.

Agricultura

Para o produtor, analisar e acompanhar os dados climáticos possibilitará o planejamento das épocas de plantio e da colheita e produtividade, de forma que períodos de maior chuva ou de extremo calor não possam prejudicar a atividade.

Aeronáutica

A previsão de tempo possibilita conhecer em que condições as áreas de pouso e decolagem estão e se precaver de situações inesperadas ou que coloquem em risco as operações. Além disso, é possível realizar um planejamento antecipado de rotas para o caso de condições inapropriadas ao voo.

Quer ficar por dentro de todas as nossas novidades? Assine a nossa newsletter e receba diretamente no seu e-mail todos os nossos materiais. Corre lá!